Leve para onde quiser, é portátil

A ideia de carregar para onde quiser o que se precisa, é um trunfo. Mas alguns objetos parecem ter ficado no limbo da imobilidade quando o assunto é… ser portátil. Até que alguém (um designer, claro) veio e disse – por que não? Daí, vimos aparecer verdadeiras maravilhas com portabilidade. E melhor: de forma prática, simples e até leve se considerado o resultado que se tem quando aquele pacote todo se abre. Quer ver?

Trouxe a churrasqueira?

Se você estava acostumado a levar a cerveja ou a carne para a farra com os amigos, pode guardar espaço também para a churrasqueira. Mas nada de peso, a X-Grill é dobrável e consegue se transformar numa bolsa com alça e tudo.

619f9086135dc2dc6e5ad901f5733e1e

Vai um picanha?

Outra que parece de brinquedo é a Darwin BBQ. Ideal para espaços pequenos, por exemplo, ou então para reunião de poucas pessoas ao ar livre, por exemplo. Via link.

0b021123ce650477c81fc73b904933d6

A própria estrutura serve de suporte para ela ficar em pé 

Mamãe prevenida

Muito além da mamadeira, bolsa de mãe (quando o filho é pequenino, pelo menos) é um mundo de paninhos e outros itens que fazem diferença na hora do aperto. Pois bem, para aquelas que também querem garantir o berço, taí uma portátil que vai garantir o bom soninho do seu baby em qualquer lugar. À venda aqui.

91NmI6GNAfL._SL1500_

Atende desde os bebezinhos de colo…

51vgYsbQ9qL

… Até os mais crescidinhos

61-8gVKUUDL._SL1500_

Depois, é só dobrar tudo e colocar nas costas (do pai, de preferência rs)

Mordomia na praia

Tudo bem que cadeiras de praia são portáteis, mas depois de ver essa, você vai rever seus conceitos. Até porque a Wheeled Beach Chair agrega muito, mas muito mais valor a sua praia. Ela é reclinável e vem com seu próprio guarda-sol que também é flexível, de acordo com a inclinação. Vem com espaços laterias removíveis que funcionam como cooler e sustentam uma taça de vinho, por exemplo. Possui encosto para o pescoço e até um estrutura suplente que vem embaixo do assento e a transforma em chaise long. É mole ou quer mais?

201190-z1

Quase um camarote à beira-mar

Ao ar livre

Se a sua “praia” for um piquenique num parque, dá para, acredite, levar a mesa e as cadeiras, de uma vez só, em uma maletinha. Como?  Com a Picnic Table que se abre para a mesa com quatro assentos.

bfc87e8f87e6aac806ed3f948b3c7f4a

E você ainda escolhe a cor 🙂

Bons drinks em qualquer lugar

Brookstone já vem com tudo: garrafinhas, copos e até porta-copos. E ainda tem espaço para os utensílios e guardanapos. 

d9ddbd5988092fa1412ce4dcbad28f22

Doses de praticidade 😉

Chega de roupa amarrotada

Principalmente em viagens a trabalho, a gente sempre depende dos serviços de hotel para deixar a roupa bem passada ou então daquele ferro disponível no quarto que não é lá essas coisas. Pois o designer macedônio Apostol Tnokovski resolveu o problema com esse ferro portátil que não ocupa espaço na mala e funciona à bateria. Via Link.

portable_iron2 

Ele, fechadinho, nem vai pesar na mala

portable_iron3 

Para usar, é só dobrar a parte que se parece com asas

portable_iron4 

E elas funcionam como alça 🙂

Penduradas e sem odores

No mesmo estilo viagem-que-precisa-de-roupas-alinhadas, esse cabide é o que há. Ele se dobra todinho para caber até na bolsa. E vem com um plus – possui um sistema de íons que retira da roupa odores como o de cigarro. Criação do designer Jun Kurihara. Via Link

portable-hanger-from-yanko-design_2263

Sabe aquela ida ao bar no espaço de fumantes? Não precisa deixar rastros.

Viciados em café

Sabe aquele espresso de máquina que você adora? Dá para fazer em casa. Aliás, dá para fazer em qualquer lugar como o TWIST. A minimáquina pode ser usada com um mão, basta colocar água e acionar a alavanca que ativa o cartucho que vem dentro dela (e que, segundo o link rende doses de café para o ano todo). À venda aqui.   

portable-espresso-on-the-go

Vem até com suporte para mantê-lo elevado

café

Vai um cafezinho?

Som dobrado

Caixas de som e amplificadores ganharam tamanhos menores para serem carregadas de lá para cá,  mas em comparação ao FYLM, elas são um peso desnecessário. Esse auto-falante possui nada menos que 2,5 milímetros e é totalmente dobrável para caber até naquela bolsinha de mão. Com entrada para qualquer saída de fone de ouvido convencional, ele tem design atrativo e cores bem bacanas. Via link

 FYLM03

Dá para combinar as cores com o seu aparelho de celular, por exemplo

FYLM02

Basta direcioná-lo para amplificar o som para onde bem entender 

 FYLM05

Ele cabe na carteira e funciona de forma universal

Máquina de lavar do futuro

Vencedora do Electrolux Design Lab Competition, a Dismount Washer é uma ideia revolucionária do hábito de se lavar roupa, especialmente em espaços coletivos. Funciona assim: a única estrutura fixa é um bastão preso à parede que possui uma tela touch screen para acionar a lavagem de acordo com o montante de roupa. Daí, cada um dos usuários encaixa o seu próprio recipiente, contendo suas roupas, no bastão, para que sejam lavadas. Assim, cada um tem independência, privacidade e garantia de que nada vai se perder misturada às peças dos demais usuários.

dismount 

O recipiente de lavagem tem tampa semi-transparente

dismount41

O bastão possui uma trava para encaixá-lo com segurança 

 dismount31 

Depois de lavadas, é só desencaixar e transportar por meio das alças nas laterais

 dismount2

Ideal quando se tem poucas peças para lavar

Anúncios

É o design expandindo a estante, o abajur e até a varanda

Sabe um ioiô? Pois é, aqui a ideia é parecida já que as criações funcionam com a mesma proposta: estender e retrair de acordo com a necessidade. Em tempos de espaços curtíssimos, um beijo para quem pensa na gente se acotovelando no mobiliário.

Algumas ideias são simples, outras nem tanto. Mas todas são um bom exemplo de como dá para ir além, nem que seja por meio de um braço, um encaixe ou qualquer sistema que facilite a nossa vida.

Camadas de função

A REK coffee table, do estúdio holandês Reinier de Jong, é um suspiro de felicidade para quem vê chegar a parentada e não tem aonde mais colocar bandeja, café, petiscos e tudo o mais que a gente faz para agradar, né não?

0rekctable02

Mil e uma possibilidades prum lado ou pro outro 😉

Vira mesa de jantar

Na mesma linha mesinha-de-centro-magia, a Tetra, da italiana Sculptures Jeux, também tem lá suas espertezas. Ela se abre em abas que podem até ser destacadas para se tornarem bandejas.

e558fc334641b0114cbc6d7503c09c08

E viradas ganham nova cor, veja aqui

Cabe em qualquer canto

É ótimo para a área de serviço mas vai bem também no closet ou até no banheiro. Daí a praticidade desse cabideiro que, quando não está sendo usado, é recolhido sem ocupar espaços indevidos. Via Pinterest

cabide esperto

Falta só aprender a passar camisa social rs

Luz encaixada

Quase a mesma ideia teve a recém-formada designer norueguesa Caroline Olsson, da Akershus University College. Seu projeto de graduação foi esse abajur pra lá de esperto que se retrai se abrigando numa caixinha que parece daquelas de giz de professor. 

abajour caixinha

Tem futuro ou não tem essa menina? 🙂

Mordomia pouca é bobagem

Sabe aquele café na cama dos sonhos? Taí nesse criado-mudo que só falta falar mesmo. Dá para usar para ler, usar o notebook, ou seja, é mordomia de verdade.

ebbf93a8345a00774ef1039a7858c729

Seja esperto e escolha o lado certo da cama, ok?

É só dobrar

Potes de plástico e até silicone, o novo xodó dos utensílios gourmet, existem aos montes, mas a Consul tomou a frente ao lançar esses que são retráteis. Ou seja, ocupam a metade do espaço na hora de guardar.

 Forma multiuso retrátil-Consul

Expandiu…

Forma multiuso retrátil_Consul_ 

Retraiu… Lembrou do ioiô?

Poucas paredes, poucas tomadas

É para resolver esse problema que a Pop-Out Outlet surgiu. Num clique ela quadruplica suas possibilidades transformando-se numa espécie de T. Confira aqui como ela funciona.  Via link.

tomada-embutida

Tem crianças em casa? Acabou de ganhar mais uma vantagem!

Labirinto expandido

Tudo muito simples até agora? Então se prepare para a fase dois desse post. E quem abre os trabalhos é a REK bookcase , do estúdio Reinier de Jong (o mesmo da primeira mesinha, lá em cima). Uma estante que se abre e fecha num perfeito movimento de encaixe e cresce de acordo com sua coleção. O zig zag do desenho é fenomenal e vai se adaptando ao tamanho dos livros e do espaço que se tem.

REK1.jpg.492x0_q85_crop-smart

Até fechada, ela é show

Quase o portal de Nárnia

Lembra daquele armário que dava para outro mundo no filme? Pois é, dá para lembrar dele vendo o  Walk-in Closet, do escritório holandês Hosun Ching. Mas o mundo em questão aqui é o do ganho de espaço. Acompanhe comigo…

Walk-in 1 

1 – A barra que serve como puxador também serve para pendurar alguma roupa no cabide

Walk-in 7

2 – Os espaços são beeem divididos entre gavetas, prateleiras e araras 

Walk-in 2

3 – Para facilitar, as portas se abrem com rodízios fofos de madeira e borda azul

Walk-in 3

4 – Tá certo que se você é mulher vai dar falta de mais cabideiro, mas lembre-se do formato aparente fechado: era pra ser só aquilo

Walk-in 4

5 – Reparou nos dois espelhos? Dá para se ver por trás 😉

Walk-in 5 

6 –  E os detalhes, como o espaço para joias, para convencer de vez!

Sim, até a varanda

Para encerrar em grande estilo, que tal ganhar simplesmente uma varanda a mais na casa? Como? De forma retrátil, claro. E, acredite, automática. Veja o vídeo. Via link

 fold-out-residential-deck

Precisa de um respiro? Compre uma varanda!

folding-exterior-deck-gadget

Olha ela se abrindo aí. Dá para acreditar?

Se você vai de bike, vá com estilo

As magrelas estão com tudo. Afinal, num trânsito de cidade grande, as bicicletas são a melhor rota de fuga mesmo. E as cidades, até que enfim, começaram a se preparar para os ciclistas, pressionados também por canais virtuais sobre o assunto. Em São Paulo, o site da Campanha Vou de Bike foi criado para estimular o uso desse meio e sensibilizar o poder público para melhorar a estrutura das ciclovias. No Rio, o Globo criou um espaço bacana, o Vou de Bicicleta para os ciclistas conferirem notícias sobre o assunto e mapas das ciclovias da cidade maravilhosa. E dá até para calcular as calorias perdidas se você trocar quatro por duas rodas no Eu Vou de Bike.

Bom, para quem já está convencido e já é adepto, o próximo passo é se encantar com os inúmeros acessórios que deixam a pedalada muito mais funcional e, por que não, mais charmosa. Garanto que será um motivo a mais para quem já está cansado das horas perdidas no engarrafamento.

Carga pesada

Para quem tem muita coisa para carregar, a ideia da designer Areum Jeong se encaixa bem. O emaranhado de elásticos que abraça o quadro da bike são feitos para deixar tudo mais seguro durante o movimento e adaptável para qualquer tipo de objetos.   

reel-elastic-bike-storage-system-designboom01

Até a baguete encontrou seu lugar

Ao trabalho

Quem precisa de uma proteção a mais, em caso de chuva, por exemplo, pode apostar numa bolsa fechada como a Tandem Pannier Bag. Ela se encaixa direitinho no banco de trás e ainda é removível. À venda aqui.

 timbuk2-tandem-pannier-bike-bag

Com fivelas e material à prova d’água, ela carrega até notebook

119-4-2150_closed

Depois, é só pegar pela alça e seguir para o compromisso

Agora, se o o objetivo é carregar itens menores, como o celular por exemplo, essa resolve o problema com discrição e eficiência.

bolsa-para-bicicletabolsa-para-celular-plug-fone-incluso_MLB-O-5028386278_092013

Ela vem com plug para fone incluso e é resistente à água 

bolsa-para-bicicletabolsa-para-celular-plug-fone-incluso_MLB-O-5028424907_092013 

E se encaixa direitinho ao selim deixando a frente transparente para você ver quando chamar e manusear se quiser. À venda aqui

Luz no fim da rua

Há um infinidade de luzes para bikes, mas essa, além de ser super discreta é fácil de colocar e adaptável à sua necessidade. Com ímã, a Lucetta serve tanto como farol quanto como lanterna. Basta selecionar um feixe de luz constante ou piscando lento ou mais rapidamente. Criação do italiano Emanuele Pizzolorusso, ela suporta todo tipo de trepidação. Depois, é só destacá-las e carregá-las no bolso. Via link

Farol-Bicicleta

Pequeninas, elas têm duração de até 40h e vem com baterias incluídas

Lanterna-traseira-Bike

Depois de destacá-las, é só grudá-las ao selim

Lanterna-Bicicleta

Escolha a luz, constante ou intermitente

Lucetta-Bike

Depois é só grudá-las novamente para guardar

Bêbado equilibrista

Atenção, não é para achar que vai de bike que pode beber todas, ok? Mas se você ficou de leva o vinho, dá para fazê-lo também de bike. Graças ao Flying Pigeon, essa tarefa é possível. Sem sustos.

c0f6d6bfd4ca3e92c3a81cfd1cbca02c

Faltou só a solução para as taças 

Se, no entanto, a sua bebida é outra, como a cerveja, também há solução. E ela se chama Donkey!

heromockup_3_11

Pelo menos a dúzia está garantida 🙂

Tem solução até para aquela latonha de refrigerante que você não precisa mais dispensar enquanto pedala

090aae632f44e22b6e50814c31f517ad

Porque é preciso se hidratar no caminho rs. Via link

Longas distâncias

Se você não quiser desgrudar da bike nem nos passeios para o litoral, por exemplo, que tal investir num suporte para carregá-las no carro? Com o TiltAWAY, dá para carregar quatro, ou seja, da família toda.

87aea86981f38b42c887b95611e3a4b0

Nem precisa ter um trabalhão para removê-las do alto

Eles também merecem

Até para os bichos, um bom passeio ou uma ida ao veterinário pode ser sobre duas rodas.

43a83349acbe3006821f351d7a6623ed

Tem para cão… (compre aqui)

4da3702e2eee2947d230cc0a257658c2

E para gato também! (via link)

Cabe em qualquer lugar

E, se depois do passeio, o apê é pequeno para guardar a magrela, tem solução também. Esse suporte faz a bicicleta subir pelas paredes com um sistema de elevação por meio de roldanas. À venda na Bemfixa.

5.0.2

Para o alto e avante! Suporta até 20k

E a marca ainda tem a opção simplificada com um gancho que prende a bike verticalmente.

SUPORTE BIKE VERTICAL_Bike montada_alta

Sem desculpas agora ok?

Hoje é dia do Design, bebê

Cinco de novembro é Dia Nacional de Design. Para celebrar, eu desejo que você tenha…

1 – A personalidade aliada à sabedoria e ao bom humor de Sergio Rodrigues…

MF-02570

Assim como a maioria de suas poltronas, a Mole – mais famosa delas – tem esse quê de se esparramar, de viver o momento, de se entregar aos seus braços e permitir que seu conforto o abrace. Suspirou aí?

2 – O olhar capaz de transformar criativamente o óbvio de Guto Índio da Costa

202-Black-Piano-01-A

Em 2001, o ventilador Spirit quebrava um paradigma. Quer dizer, dispensava uma pá e deixava o ventilador com apenas duas eficientes o suficiente para fazer aquele ventinho bom num dia de calor. Lição que todos os designers (e por que não pessoas em geral) devem aprender: simplificar!

3 – A coragem de abusar de materiais e do conceito em favor da arte, dos Irmãos Campana…

favela01

Cordas, EVA, papelão, garrafas pet , ralos de banheiro e  lascas  de madeira – como as da Cadeira Favela – são alguns dos materiais que essa dupla tão famosa aposta mas com um estilo muito singular e alto nível. É aquilo. Peças de Irmãos Campana falam por si só.

4 – A ligação única com a essência naturalmente bela de Domingos Tótora

domingos_03

As pedras na base da mesa  que parecem já estar ali há tempos, os alto-relevos dos vasos que nem parecem ter sido feitos manualmente trazem o ar de Maria da Fé, interior de Minas, onde fica o estúdio de Tótora

5 – A despretensão moderna, elegante e sincera de Zanini de Zanine

zanini-de-zanine-design-movel-decoracao-01

Inspirada no escultor Amilcar de Castro e no designer Joaquim Tenreiro, a cadeira Trez é um monumento escultural. Recortada a laser, a chapa fria de alumínio ganhou pintura e vida. 

6 – A bossa cheia de charme, ginga e popularidade de Leonardo Lattavo e Pedro Moog (Latoog)

SAO-CRISTOVAO-03b-600x418

A mesinha São Cristóvão é uma mistura de tudo o que eu gosto – simplicidade, delicadeza e identificação imediata. Saca as grades das casas antigas com cheiro de bolo de fubá à tardinha? Pois é.

7 – A capacidade de passear entre distintos mundos (clássico e rústico) guiado pelo prazer do conforto de Marcus Ferreira

0,,43133446,00

A Poltrona Rippa tem o bastante para garantir a vontade de se jogar tanto quanto a de admirar

8 – E a loucura revolucionária e marcante de Philippe Starck (não poderia faltar ele, né?)

175067

A Louis Ghost é uma só das provas de como ele enxerga além (literalmente) e a capacidade desse francês de criar ícones

*É claro que eu poderia ficar até depois de amanhã falando, tamanha a quantidade de designers bacanas que têm por aí. De qualquer forma, todos estão de parabéns em fazer o mundo, pelo menos, mais bacana de se ver.  

E viva o dia de los muertos!

Foi em Guanajuato, cidade universitária localizada na parte central do México, que eu me deparei com o quadro. Na verdade uma espécie de nicho em madeira com a frente fechada em vidro. Dentro dele, em formato de bonequinhos de papel machê, Frida Kahlo e seu amado Diego Rivera compunham a cena. Ele, diante de um cavalete, pintava ela, sentadinha ao lado. Porém, o mais legal (e que eu fiquei fascinada e mais pobre, já que não era muito barato) é que, ao contrário da imagem real da pintora estampada na minitela, o rosto deles era de … Caveirinha!

É assim no México. Lideradas por La Catrina – a dama da morte – as caveiras não são assustadoras. Ao contrário, são festivas. Tanto que estampam confeitos em doces de açúcar para crianças no famoso Dia de Los Muertos. O próprio evento, um dos mais animados do país, faz da morte uma companheira menos pesada. Portanto, para celebrar o dia hoje, que tal tener la compañía de las calaveras?

1d9abd74eec34b1b2c42f97890b5c26d

Para abrir os trabalhos (e os caminhos) essa maçaneta é delicada e marcante. De deixar uma primeira impressão e tanto, não? À venda na Amazon

capacho_skull_pb

Achou muito séria? Então tem capacho fofinho de caveirinha pixelada 🙂 E dá para comprar aqui

9fcf740c001f6b0186992e0fc7ed7fdd

Ainda no campo decor, olha que tudo esse papel de parede. Em padrões quase que de tapeçaria, não deixam a elegância de lado. Via Pinterest.

31bc39baec321022801ae12997d45809

Dá para acreditar nesse trabalho precioso nas costas dessa blusa? Via Pinterest

62e10bd62210cfaa0417dc2e46226bac

Porque caveiras também são amor ❤ ❤ ❤ Vi aqui ó

c27c0cc55aac1eb563fa76aab03c2016

Essa caixinha aqui, além de trabalhada na cor e nos detalhes, ajuda a organizar a bagunça. Da para comprar aqui.

b2e3dc84f7

Para deixar os bons drinks ainda mais estilosos. À venda aqui

eafa8a9a17f1b154b85cf539a4538841

E aí, vai ou não vai dar uma colher de chá -ou de sopa, café – para elas? Via link

 romain-jerome-dia-de-los-muertos-01

Fabricado especialmente para o Dia de Los Muertos, esse relógio da Romain Jerome traz todo o simbolismo da data. Um deles é a quantidade de cores – sete como as sete etapas que a alma (assim, explica a marca, com referêcia aos astecas) deve passar para chegar a paz…

Skull_Speakers_France_house_plans_photography1

E, para encerrar, as minicaveiras que funcionam como caixinhas de som são criação dupla francesa Kuntzel – Deygas. O mais bacana é que elas são feitas artesanalmente. E com um detalhe: os olhos te seguem para onde você for…

Blog no WordPress.com.