Tecnologia a favor de nossas pequenas “necessidades”

Criatividade e tecnologia sempre formaram uma parceria imbatível. E, quando elas trabalham a favor de nossas pequenas “necessidades”, uau, elas ganham espaços profundos no coração. Confira aqui alguns gadgets que, provavelmente, partiram de alguma mente brilhantemente maluca por aí, mas que, agora prontas, fazem da nossa vida bem mais interessante e divertida.

É impressão minha

Tá vendo essa carinha feliz? Ela anuncia novos tempos. Trata-se de uma mini-impressora –  Little Printer – do estúdio londrino Berg. Sem tinta e sem fios, funciona por impressão térmica (como as máquinas de cartão de crédito) e através de um aplicativo para smartphone. Imprime textos e gráficos de redes sociais e outros sites. Veja mais nesse video. Via link.

estudio-design-britanico-cria-impressora-portatil-smartphones-tablets-664

Sorria, seus dados estão sendo impressos

007 ia amar

Depois da caneta, é a vez do anel espião. Para captar momentos importantes, com discrição, a CAMER-ing não poderia ser mais ergonômica. Encaixa-se sem problemas em qualquer dedo e ainda pode ser acionada facilmente pelo botão de fácil alcance. No pacote, um tablet que recebe a imagem gravada. Via link.

0d74d2f7ac5b8984e0ae5f4cf4b51755

camer_ing

Ela só não vem com manual de bom senso, isso depende de você, ok?

Cada mergulho é um flash

Com a Underabove, esse bordão ganha sentido literal. É que a câmera fotografa não só o que está acima, mas também o que está abaixo da água. Ao mesmo tempo, aliás. Graças ao peso mais leve que a água e a uma compensação interna de ar e água, ela boia com equilíbrio e tem timer para você se esbaldar fora ou dentro d’água. Via link.

underabove3

Eternizando as caretas submersas

Dedos de distância

Eis a evolução digital da trena. Em pequenas e longas distâncias, o Smart Finger faz a medição do espaço em diferentes unidades, além de gravar e armazenar as informações e também calcular o volume dele. É só apertar um botão. Via link.

smart_finger 2

Basta encaixar a peça nos dedos

smart_finger 5

Serve para distâncias maiores também

smart_finger 6

Depois, para facilitar, as peças se encaixam para guardar

Compositor do momento

Sabe aquela melodia que vem do nada na cabeça e que você bem queria que se tornasse uma composição de verdade? Agora, ela não se perde mais. Como? Basta usar o Compose. Criação dos japoneses Ouyang Xi, He Binbin, Zeng Li & Li Bo, o aparelho parece mágico. Basta entoar a melodia na caneta-microfone, encaixá-la no local apropriado e, tchanan, eis a partitura do novo hit de sucesso do momento 😉

para compor musicas 2

Passo 1: solte o gogó

para compor musicas 3

Passo dois, encaixe a caneta no buraquinho

para compor musicas 4

Passo 3: mágica, o Compose faz o resto

comepose2

A solução para os músicos frustrados

Capturando cores

E o show não acaba por aqui. Ainda tem essa caneta igualmente fantástica, a Color Picker. Ela captura a cor de qualquer objeto – uma maçã ou uma folha -, digitaliza (por meio de um sensor RGB) e aplica a cor em questão para que a pessoa a utilize na caneta. Não é o máximo? Via link.

color-picker1

O vermelho da paixão na sua folha de desenho

color-picker2

Ou então, o verde da natureza

color-picker3

Daí, é só liberar o artista interior

colorpen3

Eis a explicação de cada parte dela 🙂

Anúncios

Isso tudo é Design, sim senhor

Palito de fósforo, televisão, garrafa térmica, tomada, maçaneta, pacote de biscoito, lâmpada e até a espiral do caderno. Só para citar alguns objetos que eu estou vendo bem aqui na frente, tudo leva em si um pensamento de Design. O problema é que nem sempre a gente tem essa noção. Para deixar tudo claro e abrir os olhos de quem ainda não se ligou no quanto ele está inserido no nosso dia a dia, um grupo de designers mineiros criou uma espécie de campanha chamada Isso também é Design. A proposta é, por meio de adesivos de diferentes cores deixar claro onde está o Design. O amarelo é para o gráfico; o azul, para produto; e o magenta, para o de ambientes. O projeto é encampado pelo Curso de Design de Produto da UVV, em Vila Velha, ES, onde eu me formei (e que, aliás, está com inscrições abertas para o vestibular ;)). Por lá e no site, é preciso ter acesso aos adesivos para participar também. Certamente você não vai mais olhar ao redor sem perceber o quanto o Design está próximo! 

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.